sexta-feira, 22 de junho de 2012

MARIA TEREZA - UMA DAS RARAS COMEDIANTES DO BRASIL QUE TINHA VÁRIOS PERSONAGENS, ALÉM DE SER A MAIOR HUMORISTA QUE O BRASIL JÁ TEVE.


Maria Teresa

 
 Maria Tereza Fróes (Cabreúva, 13 de março de 1936 - São Paulo, 14 de agosto de 2007


Maria Tereza foi uma das principais humoristas do rádio e da televisão do Brasil.
 Começou sua carreira como radioatriz, no início da década de 50.  Mas logo passou para o humorismo e criou inúmeros tipos cômicos.  Integrou  o elenco de comediantes da Rádio Record . Ali salientaram-se : a italiana  Marieta, mulher do Vitório, a obesa Dona Gôndola, Dona  Farmaca e inúmeros outros tipos. Os programas da Record tinham títulos sugestivos, como:" Trupiquei na Jaca," "Aqui, Gerarda"," Choá Pra Dois", "Estórias das Malocas". Este último ela fazia  ao lado de Adoniran Barbosa.. Ele era o Charutinho e ela a Dona Terezoca. Essa foi uma admirável série radiofônica, muito humana e muito cômica, que teve grande audiência, no final dos anos 50.
Já em 60, Maria Tereza entrou para a televisão. Foi contratada pela TV Excelsior e, ao lado do grande comediante Pagano Sobrinho,  ela  fez muito sucesso. Passou depois por vários canais de televisão, chegando a ter  programas exclusivos. Na TV Excelsior estrelou o programa: "Maria Tereza Show", escrito por  Irvando Luis.
Na TV Bandeirantes, fez o programa: "Praça  Brasil", que era o mesmo programa "A Praça da Alegria",cujo nome ficou retido na  Rede Globo de Televisão, e voltou ao ar sob o comando de Dionísio Azevedo. Logo, porém, veio juntar-se a eles Carlos Alberto de Nóbrega, filho de Manoel da Nóbrega, criador do programa. E ele então ficou apresentando o programa , mas logo o transferiu para o SBT, onde vai ao ar até os dias de hoje(2011), agora com o nome de "A Praça é Nossa".
Maria Tereza foi junto com Carlos Alberto, e lançou a fofoqueira Vamércia, o quadro considerado o mais engraçado do programa. O gesto de Maria Tereza,com o dedo indicador na frente dos lábios, dizendo que sua boca era um "túmbalo", pegou em todo o Brasil. 

 Popular comediante da televisão brasileira, famosa com o personagem Vamércia, a fofoqueira da praça, o quadro mais engraçado do programa "A Praça é Nossa", comandado por Carlos Alberto de Nóbrega, pelo SBT. O gesto do dedo indicador batendo levemente nos lábios, enquanto pronunciava a frase dizendo que sua boca era "um túmbalo" tornou-se conhecido em todo o país.

Maria Tereza sempre trabalhou com humor e seus personagens eram do inteiro agrado popular, ultrapassando fronteiras de usos e costumes.

A galeria de tipos criados pela atriz era imensa, como a italiana Marieta, mulher do Vitório, o menino de rua Zé Galinha, a obesa Dona Gôndola, Dona Farmaca e a Mãe de Santo negra.

Na Rádio Record, integrava seu elenco de comediantes e participava de programas com títulos sugestivos como "Trupiquei na Jaca", "Aqui, Gerarda", "Choá para Dois" e "Estórias das Malocas". Esse último, em que atuava ao lado de Adoniran Barbosa no papel de Charutinho, Maria Tereza personificava Dona Terezoca, uma pobre alma maloqueira reduzida à miséria material e moral por obra da condição econômica desfavorável, vivendo pequenas histórias de sabor cômico mas com qualidades de realismo e humanidade que eram a razão do sucesso dessa admirável série radiofônica no final da década de 50.

Em meados dos anos 60, o programa humorístico que a comediante estrelava ao lado de Pagano Sobrinho era hilariante e atingia enormes índices de audiência pela Rádio Excelsior de São Paulo. Maria Tereza Fróes começou a carreira no início da década de 50 participando de radionovelas e passou por quase todos os canais de televisão do país, chegando a ter diversos programas exclusivos. Em 1964, contratada da TV Excelsior de São Paulo, a comediante estreou o "Maria Tereza Show", escrito por Irvando Luís e aproveitando plenamente os recursos cômicos da artista. 

Maria Tereza faleceu aos 63 anos, em 14 de agosto de 1999. E todo  o país chorou  sua morte.


Curiosidade : Maria Tereza entre as comediantes, foi quem mais ganhou o ''Troféu Imprensa'' , num total de cinco prêmios.

 M

Nenhum comentário:

Postar um comentário